Friday, 29 April 2016

A verdade é que queremos crianças felizes...

...para quando adultos retribuírem o que lhes foi oferecido por nós e pelos os outros. O que quero todos os dias é que o sorriso dela contagie os outros, que a sua alegria continue a ser o seu melhor atributo, que se sinta bem com ela e com os outros. Que seja grata a tudo o que a rodeia...que diariamente use os seus atributos para ajudar quem a rodeia. Tento diariamente dar lhe o exemplo, exemplo de justiça e de bondade. Tento que ela se lembre dos outros e que não faça aos outros o que não gostava que lhe fizessem a ela. Quero lhe proporcionar raízes e razões para estar mas quero lhe dar asas para conhecer o mundo e os outros. Gosto que ela experimente, que ela faça escolhas por si e que pense sempre que as suas atitudes implicam diretamente a sua vida e a dos outros. Quero que retire dos outros o que de bom lhe tem para oferecer e o menos bom que veja e aconteça no seu dia a dia seja esquecido, porque deveremos sempre recordar o que nos fez e faz feliz em vez de nos debruçarmos naquilo que não nos fez tão bem. Devemos sempre procurar as razões porque gostamos dos outros e não dar importância a pormenores menos bons sem nunca se subestimar nem se sobrevalorizar. Quero que continue assim...com a simplicidade e com o sorriso que tanto a caracteriza. 

Wednesday, 13 April 2016

Renovar a casa...

...dá um trabalho do caraças, tem sido noites com pouco mais de 4 horas de sono, os últimos 3 fins de semana não me lembro de ter sentado o rabinho por mais de 10 minutos. Vendi tudo no olx (foi assim daquelas coisas que me apeteceu mudar tudo)....comprei outras para restaurar e fazer a nosso gosto, às vezes o velho faz-se novo e fica tão mais original é tão mais nosso. Gosto que entrem na minha casa e sintam que é mesmo a minha casa. Gosto de pormenores, gosto de misturas do improvável. Gosto de dar vida a minha casa, e achava que está casa tinha perdido o meu 'toque'. Vendi tudo, candeeiros, móveis, cortinados, quadros e coisas que não usava, fiz um valor que me vai permitir redecorar a casa toda ( com excepção dos sofás que já tinha o dinheiro guardadinho). Comprei móveis por 10 euros, estão aqui a ganhar uma nova vida. Foram muitas horas de pesquisa, muitas mensagens e muito 'regateio' mas consegui... Tenho cá quase tudo e as outras coisas que vou buscar. Estou cansada mas ao mesmo tempo com uma energia desmedida para terminar tudo antes do final de  Maio.... E aos poucos sinto cada vez mais que esta é a nossa casa, que cada móvel vai ter uma história ( porque as tem havido... Umas com graça outras nem tanto)...mas nem tudo são rosas o cansaço e o sono tem feito uns quantos amuos entre a malta cá de casa... 

Sunday, 10 April 2016

A reter...

...a próxima vez que me der para pintar a casa, vender tudo, restaurar moveis, fazer limpezas de verão e fazer pequenos arranjos em casa, tudo ao mesmo tempo é porque endoideci de vez. Neste momento nem sítio para jantarmos temos. Tenho a minha casa, se assim posso chamar, completamente de pantanas. E pelo andar da coisa nem no São Pedro tenho a coisa pronta!!!! 

Pior, mas muito pior, do que fazer mudanças!!!!!

Tuesday, 5 April 2016

Vendi tudo que tinha em...

...casa, ou quase tudo, tenho a casa completamente vazia pronta a fazer uma nova decoração...adoro decorar, adoro recuperar coisas antigas e transforma las em peças unicas. Lá para Junho tenho novamente um lar.... Até la... Vemos TV em almofadas, temos lâmpadas a fazer de candeeiros modernos e bancos a servir de mesas de apoio. As ideias atropelam se na minha cabeça... Vou ter uma casa nova dentro desta.

Monday, 4 April 2016

Há dias que uma pessoa...

...sente que falha, sente-se desapontada, sente- se sem motivação e sem saber muito bem qual o melhor caminho. Questionamo-nos inúmeras vezes e julgamo-nos vezes sem conta. Hoje falta-me aquele brilhozinho nos olhos.

Ser mãe é sem dúvida um desafio... E daqueles GIGANTES!

Wednesday, 23 March 2016

Estou à beira de um ataque de nervos....

...tenho 3 putos a dormir cá em casa!!! A casa está sempre com miudagem....mas eu juro que estou quase, quase a cortar os pulsos!!!!!

Saturday, 12 March 2016

A dor de perder alguém...

.hoje assim do nada o nosso gato morreu...escolheu morrer ao lado dela, num minutos estava de volta e no outro estava ali deitado ao lado dela. A dor, o pânico dela foram tão grandes que pensei como era injusto uma criança sofrer desta maneira. Chorou horas e horas. Veio a família...vieram todos. O vazio é grande...a nossa casa está vazia!!! Hoje ela teve o pior dia destes sete anos de existência!

Wednesday, 2 March 2016

Porque dizem as pessoas coisas feias às outras???

...eu cá tenho uma máxima...se não tenho nada de bom a acrescentar calo-me. Ser frontal e dizer a verdade é tão diferente de ser mal educada ou arrogante. Se nos pedem uma opinião sincera não é de todo para ouvir críticas destrutivas é apenas para ouvir uma opinião sincera. Não entendo aquelas pessoas que dizem as outras, estás mais gorda, estás com má cara, não gosto dos teus sapatos...entre outros propôs. Isto passa-se mais no mundo do mulherio que em vez de se defenderem enquanto pessoas...tentam 'destruir' as outras com opiniões tontas. Dizer coisas feias só porque sim é porque? Ofender é porque? Isto passa-se aqui nos blogs...passa se na vida real é o que me assusta é que estas pessoas apontam o dedo e cospem defeitos aos outros à frente dos filhos. E assim os filhos de 6 anos vão para a escola dizer que aquela é gorda, é magra, é alta, é baixa...and so on! Não será mais fácil elogiar, dizer coisas boas, dar um sorriso sincero???!!! 

Estarei tão errada neste meu mundo tão cor de rosa??!!!!

Monday, 29 February 2016

Como poupar para viajar...

...sempre tive um lema trabalhar muito durante o Inverno para poder gozar no Verão, altura em que podemos viajar já que não há escola nem compromissos com a garota. Claro que para viajar é preciso dinheiro, e infelizmente não é coisa que apareça aqui sem mais nem menos. Para conseguir poupar mais houve coisas que tivemos que abdicar, fazer uns reajustes familiares:

1. Sair menos à noite

Adoramos sair à noite, fazer um jantar com amigos, ir a um bar e depois dar uns passos de dança. Pois foi coisa que se fez os reajustes...ora se vamos jantar não saímos ou se vamos sair jantamos em casa. Bebemos um copo ou até dois mas não mais. Escolhemos com cuidado as saídas tendo que recusar alguns convites. Não prescindo de conviver e fazemos mais jantares em casa uns dos outros, conversamos e fazemos uns jogos de mesa...diversão quase a custo zero.

2. Deixar de beber café na rua

Ora que bebia depois de almoço, ora que ao final do dia combinava um cafe numa esplanada ora que por vezes de manhã tomava um café como coisa de rotina diária. Fiz as contas e por mês gastava mais de 50 euros em cafés...somando com os 50 deles..perfazia a quantia de 100 euros. Foi coisa simples de deixar e esse dinheiro vai diretamente para o pote

3. Comprar menos roupa e calçado

Adoro moda, adoro roupa, adoro sapatos e adoro malas...mas olho e sei que tenho coisas a mais, coisas que passam meses e não as visto...tentei (ainda em curso) não comprar nada durante 3 meses..a coisa é difícil porque há a tentação de ter mais uma camisinha ou uma botinha janota. Mas dando asas à imaginação e gostando de moda nada como conjugar o que temos fazendo sucesso com o que se tem.

4. Deixar o ginásio

Admito que custou, era um escape para mim, mas por vezes havia semanas que apenas lá punha os pés uma vez por semana, troquei as aulas por o paredão. Tenho mais tempo para pensar e poupo 840 euros ao ano.

5. Deixei de ir ao cinema

Gosto de cinema sim, mas posso ver os mesmos filmes em casa no meu sofá...é certo que não é a mesma coisa, mas com o bilhete do cinema vem as pipocas e o sumo e a coisa não fica por menos de 20 euros. 

6. As maravilhosas promoções

Sou super fã do pingo doce e das promoções...aliás a palavra promoção mexe comigo. Consigo comprar quase tudo cá para casa seguindo o esquema dos folhetos e trazendo os produtos com 50% de redução. Comparativamente ao ano passado...consegui reduziu o valor do supermercado para metade.

7. Leitura e afins

Cá em casa somos fãs de ler...os 3 gostamos de livros...mas deixámos de comprar, a biblioteca municipal passou a ser nossa aliada, assim como trocamos de livros com amigos e família. 

8. Prendas de aniversário

A concha tem dezenas de festas durante o ano, como conheço grande parte dos seus amigos, nos saldos compro as prendas pensando em cada um dos miúdos. Posso dizer que tenho as prendas compradas até aos aniversários de Junho. Comprei coisas giríssimas a mais de metade do preço. Mais uma vez tudo se centra na organização.

9. Imaginação

A imaginação é a maior aliada de quem quer poupar, guardar coisas que naquele momento pode não fazer sentido mas que mais tarde podem ter utilidade para fazer trabalhos da escola, fatos para festas, brinquedos para ela ou algumas coisas aqui para casa. Por exemplo guardo frascos dos doces para oferecer com bolachas no Natal, ou para fazer outras surpresas (tenho uma girariam). Utilizar o pinterest, o instagram e o facebook ajuda imenso a concretizar ideias e a fazer coisas originais e mais uma vez a custo zero.

10. Planear e organizar as férias

É outra GRANDE forma de poupar, o ideal é planear com 7 meses de antecedência, usar todos os sites disponíveis para pesquisas de voos, conjugar voos low cost, estudar quase diariamente os apartamentos/hoteis disponíveis. Consigo viajar por muito menos do que a grande parte dos nossos amigos.

11. Escrever tudo

Tenho uma agenda onde assento todas as despesas, TODAS mesmo, no final do mês somando tudo sei onde gastei mais e onde posso poupar. Ter o valor mensal de cada área de despesa faz-nos pensar nas nossas prioridades.

12. OLX

Sim..o OLX passou a ser um grande aliado para despachar o que não necessito e lucrar com o que já não nos faz falta. Há sempre alguém interessado e como sou contra deitar fora ou guardar...vendo. Acabei de vender imensas coisas da concha (bicicleta, patins, uma tenda, entre outras coisas)

Ao ler isto tudo pode-se pensar que deixei de viver...mas não se passa nada disso, continuo a sair, a conviver a divertir-me com o melhor que a vida tem para nos oferecer. Quanto não vale uma tarde passada na praia com os putos a brincar e os crescidos na conversa. Quanto não vale um piquenique com  direito a saborear um bom vinho. Quanto não vale ficar a jogar até às 2 da manhã com a malta amiga. Afinal há tanto para se fazer sem ser necessário gastar muito. A vida é feita de prioridades e e eu escolhi que viajar seria a minha prioridade.

Tuesday, 23 February 2016

Desceu em mim...

...uma vontade incontrolável de cortar o cabelo, depois de anos a deixar o sacana crescer!!! Porque sou eu balança??? Porqueeeeeeeeeeee?